Estudantes avaliam positivamente Summer e Winter Schools ministradas no campus de Araranguá e apoiadas pela SINTER

G:i

O curso “Study and Traineeship Opportunities in Germany” foi ofertado no Centro de Ciências, Tecnologia e Saúde no Campus Araranguá como curso da Winter (14/07 a 22/08/2017) e Summer School (19 a 27/02/2018). A oferta do curso em inglês faz parte da estratégia de internacionalização da UFSC e recebeu apoio da Secretaria de Relações Internacionais (SINTER) e da Escola de Extensão da UFSC por meio dos editais 03/2017 e 08/2017/PROEX.

O curso teve por objetivo preparar estudantes e trabalhadores para encontrar oportunidades de estudo e trabalho na Alemanha, além de discutir diferenças culturais para garantir um intercâmbio de sucesso.

Alguns dos tópicos abordados foram:

  • Informação acerca de todos os passos do processo para estudar na Alemanha;
  • Informações sobre o mercado de trabalho alemão com foco nas áreas de energia e TI e de como encontrar vagas como trainee;
  • Dicas para aprender o idioma alemão;
  • Aprendizado sobre diferenças culturais para garantir uma integração de sucesso no ambiente de estudo e trabalho;
  • Compartilhamento de dicas sobre diferentes formas de realizar viagens baratas, a fim de melhorar o conhecimento sobre a cultura local durante a viagem;
  • As diferentes perspectivas da experiência de viajar (turista X viajante).

O curso foi coordenado e ministrado pela Profa. Kátia Madruga. Também participaram da equipe de ministrantes do curso o Prof. Claus Pich, o servidor voluntário Lutz Michaelis e os convidados externos Daniel e Kimberley Conrado. Durante o Winter Course a equipe contou com a participação dos técnicos Marcio Soares e Rainer Souza.

As duas ofertas contaram igualmente com o suporte do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) que enviou material de orientação para estudantes e pesquisadores.

No total, 25 estudantes participaram dos cursos. De acordo com a avaliação de alguns participantes, a oportunidade de ingressar em um curso em inglês ministrado por professores brasileiros e um alemão foi interessante e divertida e trouxe ricas trocas de experiências. Os estudantes elogiaram a iniciativa da Universidade e a diversidade da proposta do curso que incluiu aulas expositivas, vídeos, trabalhos e jogos em grupos, além de produção textual (currículos, cartas de apresentação e motivação). Nesse sentido, a prática de ofertar cursos em inglês na universidade deve ser incorporada à cultura da UFSC para fomentar a formação de um ambiente internacional in house, o que também atrairá mais estudantes do exterior.